domingo, 5 de dezembro de 2010


“Se podemos sonhar, também podemos tornar nossos sonhos realidade.”

(Walt Disney)

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Sinônimos ♫


“Quantos segredos trás o coração de uma mulher”

(Chitãozinho & Xororó e Zé Ramalho)

domingo, 26 de setembro de 2010


"Com todo perdão da palavra,
eu sou um mistério para mim."

(Clarice Lispector)

sábado, 25 de setembro de 2010

Quem eu sou?


Eu sou vários eus cheios de personalidades próprias, que moram todos dentro de mim.
Eu sou parte razão, parte sentimento, parte loucura.
E sou também uma mistura de todo o resto.

Tudo...
Nada...
Um meio-termo.

E toda essa complexidade interior, toda essa infinidade de eus em mim vai se juntando, se simplificando até se resumir nessa falsa moldura de serenidade constante que os olhos alheios julgam ser “eu”.

Entretanto meus eus interiores não se contentam em ficar ocultos atrás dessa máscara e, às vezes, um deles mete o nariz pra fora e se revela ao mundo como realmente é, com todas suas sensações particulares, seus desejos e vontades.

Mas esta que se mostra não sou eu pronta e acabada.
A minha (in)completude está na combinação de todos os eus que habitam em mim.

Afinal, quem realmente sou eu?
Mistério indecifrável.

(Layanne Rezende)


quarta-feira, 1 de setembro de 2010


“Chaminé que construísse em minha casa,
Não seria para sair o fumo,
Mas para entrar o céu.”

(Mia Couto)

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Metamorfose Ambulante ♫


“Prefiro ser essa metamorfose ambulante
Do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo”

(Raul Seixas)

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Terra do nunca ♫


“Se ser adulto
É desse jeito
Então desculpe, eu nunca mais quero crescer”

(Forfun)

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Da minha imaginação


Mas eu sou assim, complicada e cheia defeitos.
Nunca achei que representasse algo muito importante pra você, e você era para mim praticamente tudo.
Você se tornou a base sólida na qual eu apoiava toda minha estrutura abalada, e quando eu estava com você eu me sentia forte, eu me sentia firme, eu me sentia alguém.
Eu gosto da pessoa que eu sou quando estou com você, mas acho que tudo isso também não passa de coisa da minha imaginação.

(Layanne Rezende)

domingo, 18 de julho de 2010


“Eu não estou confinado a ficar grudado no chão por medo de cair.
Eu vou voar!”

(Desconheço o autor)
Foto: Gustavo Carrijo

sexta-feira, 16 de julho de 2010


“Quando viesse a escrever sua história, ela se perguntaria quando os livros e as palavras haviam começado a significar não apenas alguma coisa, mas tudo. (...) Talvez nunca houvesse uma resposta exata sobre onde e quando isso havia ocorrido.”

(A Menina que Roubava Livros - Markus Zisak)

quinta-feira, 15 de julho de 2010


“(...) que às vezes o desejo de escrever é forte, qual o instinto, que manda beber água para apagar a sede, e comer para matar a fome, que às vezes o pensamento arde, e se consome em fogo; e que então é inevitável deixar sair as chamas desse fogo... as idéias desse pensamento...”

(Dedicatória de O moço loiro - Joaquim Manuel de Macedo)

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Terra De Gigantes ♫


“Por mais que a gente cresça
Há sempre alguma coisa que a gente
Não consegue entender...”

(Engenheiros do Hawaii)

terça-feira, 13 de julho de 2010

Depressão


A tristeza vem como uma névoa que se arrasta lentamente e te envolve aos poucos.
Você não sente sua chegada e quando se dá conta está totalmente envolto por ela.

Você olha para os lados, mas não vê a saída, não vê ninguém por perto. Você pede por ajuda, mas ninguém vem te socorrer, pois não ouvem sua voz, ela está sufocada pela névoa.
Então você está só.

Não há saída, não há amigos, não há voz, não há nada.
Há apenas você.
Nem a solidão vem te fazer companhia.
Há somente você e seus sentimentos confusos em meio ao vazio.

O que antes eram risos, sons e cores, agora não passam de trevas, de escuridão. E não há ninguém para acender a luz para você, não há ninguém pra te abraçar e dizer que está tudo bem, que logo isso passar, que tudo não passou de um sonho ruim. Porque, na verdade, isso não vai passar, isso não é um sonho, é a realidade e simplesmente não há ninguém que te entenda, que te conheça o bastante pra saber que você não sai de dentro de si mesmo, não porque não quer, mas porque você não consegue encontrar a saída.

A névoa apagou toda luz que sua vida possuía, toda luz que VOCÊ possuía. E porque eles não entendem isso eles te deixam, um a um eles se vão até você ficar realmente só.

Então o nada em que você está envolto toma conta de você, e vocês passam a ser um só, você passa a ser nada, sua existência já não faz mais nenhum sentido.

A tendência daí pra frente é desaparecer.

E conforme você desaparece as coisas começam a fazer sentido. Você passa de nada à infinito, então você sente que, finalmente, encontrou seu lugar.

(Layanne Rezende)