quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Cabelo Solto ♫


“A paz no peito
a estrada é essa
vou desse jeito
não tenho pressa”

(Marcela Taís)

domingo, 23 de novembro de 2014


11 Ensina-me, Senhor,
    o teu caminho,
e andarei na tua verdade;
dispõe-me o coração
    para só temer o teu nome.
12 Dar-te-ei graças, Senhor,
    Deus meu, de todo
    o coração
e glorificarei para sempre
    o teu nome.
13 Pois grande é a tua misericórdia
    para comigo,
e me livraste a alma do mais
    profundo poder da morte.

(Salmos 86: 11-13)

quarta-feira, 19 de novembro de 2014


“O poeta escreve poesia para ser criança todo dia.”

(Fernando Pessoa)

domingo, 16 de novembro de 2014


14 Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e me buscar, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra.
15 Estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração que se fizer neste lugar.”

(2 Crônicas 7: 14, 15)

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

A Tua glória faz ♫


“Tu és Emanuel, por mim se entregou
Nunca ninguém assim me amou”

(Fernanda Brum)

terça-feira, 11 de novembro de 2014


“[...] fui para o meu quarto fechei a porta e coloquei minha cabeça no travesseiro. Deixei que o silêncio colocasse as coisas no seu devido lugar.”

(Charlie em As vantagens de ser invisível – Stephen Chbosky)

quarta-feira, 5 de novembro de 2014


“Nos olhos do poeta
está o que os outros não veem.”

(Rita Venâncio)